Espalhe por ai:

O Brasil apresentou retração econômica menos forte do que pares emergentes durante a pandemia do novo coronavírus em 2020, principalmente por criar medidas como o auxílio emergencial para mais de 60 milhões de pessoas.

No entanto, o país aumentou de forma expressiva seu já elevado endividamento e deixou de tomar medidas permanentes como reformas para a revisão do Orçamento público enquanto vê problemas sociais como o desemprego avançarem.

Na comparação entre 14 países (sendo 7 emergentes e 7 desenvolvidos), o Brasil figura na quinta melhor posição quando o critério é previsão para o PIB (Produto Interno Bruto) em 2020. Fica atrás apenas de China, Rússia, Estados Unidos e Japão.

Os dados são do FMI (Fundo Monetário Internacional) e foram compilados pela FGV (Fundação Getulio Vargas) a pedido do jornal Folha de S.Paulo.

FONTE: Folha de Pernambuco

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/economia-ilustracao-2-1024x613.jpghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/economia-ilustracao-2-150x150.jpgDa redaçãoEconomiaO Brasil apresentou retração econômica menos forte do que pares emergentes durante a pandemia do novo coronavírus em 2020, principalmente por criar medidas como o auxílio emergencial para mais de 60 milhões de pessoas. No entanto, o país aumentou de forma expressiva seu já elevado endividamento e deixou de tomar...