Espalhe por ai:

O Governo decidiu encerrar de vez o Auxílio Emergencial, benefício criado no ano passado para dar suporte aos brasileiros durante a pandemia do coronavírus.

Entretanto, com a nova onda do Covid-19, e com a possibilidade de enfrentamento de mais um lockdown, o Ministério da Economia estuda a possibilidade de criar um novo benefício para substituir o auxílio.

O novo benefício foi intitulado de Benefício de Inclusão Produtiva (BIP) e deve pagar três parcelas de R$ 200 para pessoas de baixa renda que não estão incluídas no programa Bolsa Família e não possuem carteira assinada.

As negociações já começaram entre o ministro da Economia Paulo Guedes e os presidentes da Câmara e do Senado, Arthur Lira e Rodrigo Pacheco. O objetivo é que o benefício seja imediatamente aprovado.

Caso a pandemia perdure e seja necessário a prorrogação do benefício, uma “cláusula de emergência” que implica o congelamento de salários, seria acionada para manter o equilíbrio fiscal: “Se tiver um ano de guerra, teremos dois anos sem aumento de salário. Não podemos comprometer o futuro de filhos e netos”, disse uma fonte da equipe econômica em entrevista ao grupo Globo.

Tal medida teria que ser assegurada dentro da PEC do Pacto Federativo.

FONTE: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/02/auxilio12.jpghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/02/auxilio12-150x150.jpgDa redaçãoEconomiaO Governo decidiu encerrar de vez o Auxílio Emergencial, benefício criado no ano passado para dar suporte aos brasileiros durante a pandemia do coronavírus. Entretanto, com a nova onda do Covid-19, e com a possibilidade de enfrentamento de mais um lockdown, o Ministério da Economia estuda a possibilidade de criar...