Espalhe por ai:

Apesar do nome de mocinho dos filmes, a ficha corrida de Jaquison Chaves da Silva, 44 anos, conhecido como Jackie Chan, não deixa dúvidas de que o talento dele é mesmo para o crime. Condenado por vários crimes cometidos em Goiás e no Mato Grosso, ele estava em liberdade condicional sob monitoramento eletrônico. Mas, em setembro de 2019, conseguiu romper o lacre do equipamento e passou a ser considerado um fugitivo da Justiça. Mas isso até a última segunda-feira, 29, quando foi loalizado e preso em Tucuruí, no sudeste do Pará.

O paradeiro de Jackie Chan foi descoberto pelo gerente de Monitoramento Eletrônico do Sistema Penal de Mato Grosso e denunciado ao Poder Judiciário, que expediu mandado de prisão em desfavor do acusado. A ordem foi cumprida por equipes da Rondas Ostensivas Com Apoio de Motocicletas (Rocam) e do Grupamento Tático Operacional (GTO), na tarde da última segunda-feira, quando Jaquison foi abordado enquanto andava tranquilamente pelo Mercado Municipal de Tucuruí.

A aparente tranquilidade distoa do currículo de Jackie Chan, apontado como um perigoso assaltante de bancos e integrante de uma facção criminosa que age em vários Estados, como Pará, Mato Grosso e Maranhão, entre outros. Por conta dos crimes praticados ele foi condenado a 127 anos de prisão em Goiás, além de ser procurado no Mato Grosso, onde tem decretada contra si prisão preventiva expedida pela 3ª Vara Criminal de Cuiabá.

Agora ele será novamente encaminhado ao Sistema Penal do Estado do Mato Grosso (MT) para cumprir o restante da pena.

FONTE: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/03/generica-preso-presidiario-m-os-presas-algemadas-algemas.jpeghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/03/generica-preso-presidiario-m-os-presas-algemadas-algemas-150x150.jpegDa redaçãoPoliciaApesar do nome de mocinho dos filmes, a ficha corrida de Jaquison Chaves da Silva, 44 anos, conhecido como Jackie Chan, não deixa dúvidas de que o talento dele é mesmo para o crime. Condenado por vários crimes cometidos em Goiás e no Mato Grosso, ele estava em liberdade...