Espalhe por ai:

O auxílio emergencial, que está sendo pago em uma nova rodada disponibilizada pelo governo federal, vai alcançar mais 236 mil beneficiários aprovados em todo o país, sendo que os nascidos entre janeiro e maio receberão a primeira parcela na próxima quinta-feira (15).

Procurada pela reportagem, a Caixa Econômica Federal informou que não há dados regionais sobre o auxílio emergencial, portanto, não é possível saber quantos beneficiários já foram contemplados e qual valor já foi repassado até o momento. O Ministério da Cidadania também foi procurado, mas afirmou que as informações sobre o auxílio emergencial de 2021 serão disponibilizadas após a conclusão do processamento dos lotes que ainda estão em análise. Os únicos dados disponíveis são referentes ao benefício normal e o de extensão, ambos do ano passado.

Os que nasceram depois de maio entram no calendário normal de repasses, que pode ser consultado no site da Caixa. Esta lista atende os beneficiários do Cadastro Único, ou CadÚnico, que mapeia as famílias de baixa renda. Os que nasceram em junho recebem no dia 18 de abril; julho no dia 20; agosto em 22 deste mês; setembro no dia 25; outubro em 27; novembro na data 29; e dezembro em 30 de abril. O pagamento desta primeira parcela a este grupo encerra no dia 30 deste mês.

Os recursos do auxílio ficam disponíveis nas contas poupanças sociais digitais, movimentadas por meio do aplicativo Caixa Tem. A partir da data do crédito, os valores já podem usados para pagamento de boletos, compras na internet e pelas maquininhas em mais de um milhão de estabelecimentos comerciais. Porém, o saque só serão disponibilizados cerca de um mês após o dinheiro ser liberado. Portanto, só é possível movimentar o recurso digitalmente até lá. Por isso, as agência da Caixa Econômica em Belém, conforme apurado pela reportagem, não estão com grande movimento de pessoas que buscam informações sobre o benefício.

Já os integrantes do programa Bolsa Família só começam a receber no dia 16 de abril, próxima sexta-feira, até o dia 30 deste mês, sendo que o calendário segue o final do Número de Identificação Social (NIS) de cada pessoa. Neste caso, os pagamentos serão feitos da mesma forma do Bolsa Família. E para os dois grupos, a segunda parcela está programada para começar a ser paga em maio, a terceira em junho e a quarta em julho.

Confira a data de pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial:

Para os novos aprovados – por mês de nascimento

Janeiro, fevereiro, março, abril e maio: 15/04

Junho: 18/4

Julho: 20/4

Agosto: 22/4

Setembro: 25/4

Outubro: 27/4

Novembro: 29/4

Dezembro: 30/4

 

CadÚnico – por mês de nascimento

Abril: 13/4

Maio: 15/4

Junho: 18/4

Julho: 20/4

Agosto: 22/4

Setembro: 25/4

Outubro: 27/4

Novembro: 29/4

Dezembro: 30/4

 

Bolsa Família – de acordo com o final do NIS

1: 16/4

2: 19/4

3: 20/4

4: 22/4

5: 23/4

6: 26/4

7: 27/4

8: 28/4

9: 29/4

0: 30/4.

 

Fonte: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/04/shutterstock_179135861-770x478-1.jpghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/04/shutterstock_179135861-770x478-1-150x150.jpgda redaçãoEconomiaauxilio emergencial,caixa,dinheiro,pagamentoO auxílio emergencial, que está sendo pago em uma nova rodada disponibilizada pelo governo federal, vai alcançar mais 236 mil beneficiários aprovados em todo o país, sendo que os nascidos entre janeiro e maio receberão a primeira parcela na próxima quinta-feira (15). Procurada pela reportagem, a Caixa Econômica Federal informou...