Espalhe por ai:

Um paciente, de 43 anos, internado no Hospital de Campanha do Hangar, em Belém, fugiu na tarde desta terça-feira (09) da unidade de saúde destinada a tratamento de pacientes com a covid-19. Familiares relataram que ele saiu do hospital de táxi e voltou para casa sem qualquer impedimento.

Ele foi internado no dia 31 de janeiro, quando teve piora no quadro da doença. “Ele chegou a fazer atendimento em uma Unidade de Pronto Atendimento, mas foi encaminhado para fazer uma tomografia no Hangar e já ficou internado, pois estava com falta de ar”, contou um familiar que preferiu não ser identificado.

Quando O paciente deu entrada no hospital, passou primeiramente para uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Quando fugiu já estava na semi-intensiva, mas ainda fazendo uso de oxigênio. “Soubemos que ele estava com saturação 77 e ainda estava no oxigênio, mas que esperava uma vaga para ser transferido para a enfermaria”, relatou o familiar.

O depoimento também afirma que o paciente sofre de ansiedade desde o ano passado, mas que não fazia tratamento para o transtorno, o que dificulta o tratamento para a covid-19. A suspeita é que ele estivesse fazendo uso de entorpecentes.

“Notamos a mudança de comportamento dele desde março do ano passado. Começou a beber mais e se afastou da família. Sempre foi uma pessoa que reunia a família em casa e passou a não deixar ninguém ir lá”, revelou. “Nosso medo é que ele ainda deve estar transmitindo a doença não só para ele, como para outras pessoas”, lamenta.

 

FONTE: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/02/fojepa.jpeghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/02/fojepa-150x150.jpegDa redaçãoDestaquesUm paciente, de 43 anos, internado no Hospital de Campanha do Hangar, em Belém, fugiu na tarde desta terça-feira (09) da unidade de saúde destinada a tratamento de pacientes com a covid-19. Familiares relataram que ele saiu do hospital de táxi e voltou para casa sem qualquer impedimento. Ele foi...