Espalhe por ai:

A Polícia Civil de Bragança com o apoio do NAI e DRFR cumpriu o mandato de prisão preventiva contra o homem identificado como Alex, suspeito de matar o próprio tio, conhecido como Manoel fotógrafo em sua residência, no Km 01 da rodovia Dom Eliseu, no bairro alto paraíso, em Bragança.

O crime aconteceu no dia 23 de setembro. Manoel estava dentro de sua casa quando o seu sobrinho chegou no local, eles supostamente estavam em conflito por uma herança da família, o que pode ter sido uma das motivações para o crime.

O caso vem sendo investigado por uma equipe da polícia civil de Bragança. A vítima foi atingida por pelo menos três disparos de arma de fogo a queima roupa. De acordo com a polícia, o suspeito é investigado como autor de homicídio qualificado.

Alex foi preso na região metropolitana de Belém após quase 4 meses do crime. Ele ainda foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, por estar portando um revólver no momento da prisão. Segundo as investigações esse não é o primeiro crime cometido por Alessandro.

Após a ação policial, o suspeito foi detido e conduzido para divisão de homicídios onde foi apresentado à autoridade policial, em seguida foi encaminhado para o sistema prisional.

FONTE: Braga News

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/01/IMG-20210112-WA0043-1024x682.jpghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/01/IMG-20210112-WA0043-150x150.jpgDa redaçãoPoliciaArma de fogo,Flagrante,Homicídio,PolíciaA Polícia Civil de Bragança com o apoio do NAI e DRFR cumpriu o mandato de prisão preventiva contra o homem identificado como Alex, suspeito de matar o próprio tio, conhecido como Manoel fotógrafo em sua residência, no Km 01 da rodovia Dom Eliseu, no bairro alto paraíso, em...