Espalhe por ai:
Policiais que investigam a morte do menino Henry Borel, de 4 anos, descobriram que, antes do fim de semana do falecimento da criança, Dr. Jairinho já agredia o menino com chutes, rasteiras e golpes na cabeça.

 

Na manhã desta quinta-feira (8), dentro das investigações da morte da criança, a Polícia Civil prendeu o vereador carioca Dr. Jairinho (Solidariedade), padrasto da criança, e Monique Medeiros, mãe do garoto. Segundo a polícia, Monique sabia disso pelo menos desde fevereiro.

O vereador teria praticado pelo menos uma sessão de tortura contra o enteado em fevereiro.

FONTE: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/04/monique-presa-Reproduc-o.jpeghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2021/04/monique-presa-Reproduc-o-150x150.jpegDa redaçãoPoliciaPoliciais que investigam a morte do menino Henry Borel, de 4 anos, descobriram que, antes do fim de semana do falecimento da criança, Dr. Jairinho já agredia o menino com chutes, rasteiras e golpes na cabeça.   Na manhã desta quinta-feira (8), dentro das investigações da morte da criança, a Polícia...