Espalhe por ai:
imagem: Fundação educadora

Por causa da pandemia do novo coronavírus, um dos mais bonitos atos em homenagem a São Benedito, a travessia do Camutá até o cais de Bragança que acontece tradicionalmente todos os anos no dia 8 de dezembro, quando diversas embarcações percorrem as águas do rio Caeté, não será realizada desta vez.

A informação foi confirmada pelos organizadores da festividade do “santo preto”, já que as esmolações das comitivas das praias, campos e colônias foram canceladas desde o início da pandemia.

A história da devoção a São Benedito e a fé de moradores de Bragança acompanham a cultura e construção da pérola do Caeté.

A devoção a São Benedito é uma das mais antigas demonstração de fé do Pará, com mais de 200 anos de fundação. A tradicional festa ao santo preto é realizada desde 1798 quando foi criada a irmandade de São Benedito. A devoção é tão grande que se tornou símbolo da religiosidade e crença dos moradores da cidade de Bragança.

 

Fonte: Braga News

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/WhatsApp-Image-2020-12-08-at-09.06.45-1024x683.jpeghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/WhatsApp-Image-2020-12-08-at-09.06.45-150x150.jpegda redaçãoDestaquesBragança,Cultura,igreja,Pará,tradiçãoPor causa da pandemia do novo coronavírus, um dos mais bonitos atos em homenagem a São Benedito, a travessia do Camutá até o cais de Bragança que acontece tradicionalmente todos os anos no dia 8 de dezembro, quando diversas embarcações percorrem as águas do rio Caeté, não será realizada...