Espalhe por ai:

Um homem que era mantido refém pela quadrilha que assaltou bancos no município de Cametá, nordeste paraense, na madrugada desta quarta-feira (02), foi morto pelos bandidos durante a ação criminosa. Alessandro de Jesus Lopes era morador da cidade e foi alvejado com disparos de arma de fogo. Outro morador também foi atingido, na perna, e está internado no hospital da cidade. A informação foi publicada no portal de notícias G1
Testemunhas relataram que, no momento da ação, muitos moradores estavam em bares do centro da cidade acompanhando o jogo do Flamengo pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América. A maioria das pessoas que foram mantidas reféns pela quadrilha estavam nesses bares. “Muita gente estava assistindo ao jogo, os bares estavam lotados”, disse Márcio Mendes, morador da cidade, em entrevista à GloboNews.

Pelo menos duas agências bancárias foram atacadas, segundo relatos de moradores. Uma foi a agência do Banco do Brasil localizada no prédio da Câmara Municipal de Cametá, na rua Treze de Maio, e a outra do Banco do Estado do Pará (Banpará), na rua Coronel Raimundo Leão.

Um quartel da Polícia Militar (PM) foi atacado pelos bandidos para impedir a saída dos policiais. Por volta de 1h30, os assaltantes deixaram a cidade, usando carros e barcos, já que o município fica às margens do Rio Tocantins. Ainda não há informações exatas sobre os valores subtraídos, quantas pessoas fazem parte da quadrilha e se alguém foi detido.

 

FONTE: Oliberal

Espalhe por ai:
https://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/cameta-1.jpghttps://www.braganews.com.br/wp-content/uploads/2020/12/cameta-1-150x150.jpgDa redaçãoParáAssalto,cameta,Morte,refensUm homem que era mantido refém pela quadrilha que assaltou bancos no município de Cametá, nordeste paraense, na madrugada desta quarta-feira (02), foi morto pelos bandidos durante a ação criminosa. Alessandro de Jesus Lopes era morador da cidade e foi alvejado com disparos de arma de fogo. Outro morador...